Tag: Moto

Moto 2×4 Imperatriz: virada e Cavalo de Aço nas quartas de final da Série D

Lucas Almeida / L17 Comunicação

Com uma grande virada, o Imperatriz venceu o Moto por 4 a 2 e garantiu a vaga nas quartas de final da Série D. O triunfo do Cavalo de Aço foi construído, principalmente, com os dois gols marcados em cinco minutos, que deixaram a vaga alvirrubra encaminhada para a próxima fase.

O Moto até tentou controlar o jogo, com o gol de Ramon. Logo no minuto seguinte, o Imperatriz conseguiu o empate com Cloves. O golpe fatal dos comandados de Marcinho Guerreiro vieram com os gols de André Penalva e Junior Chicão, em um intervalo de cinco minutos, ainda no primeiro tempo, abrindo 3 a 1 para os visitantes.

Val Barreto voltou a balançar as redes antes do intervalo, mas o gol de Kaká, no segundo tempo, decretou o triunfo do Cavalo de Aço. A vitória do Imperatriz encerrou a invencibilidade do Moto em casa, exatamente no momento em que o Rubro-Negro não podia mais perder.

Além disso, o triunfo é mais uma conquista na breve carreira do técnico Marcinho Guerreiro, que conseguiu resgatar o Imperatriz e colocar a equipe em condições de brigar pelo acesso inédito. O adversário dos jogos do acesso será o Manaus ou o Brasiliense, caso se classifique diante do Campinense com um empate.

Moto e Imperatriz avançam e se enfrentam nas oitavas da Série D

Moto e Imperatriz reeditarão a decisão do Campeonato Maranhense nas oitavas de final da Série D. As duas equipes garantiram a classificação para a próxima fase neste domingo e garantiram a presença de uma equipe maranhense nas quartas de final para buscar a vaga na Série C de 2019. Dentre os representantes do Estado, o Cordino com a derrota por 1 a 0, diante do Ferroviário, foi o único eliminado na segunda fase.

O Moto entrou em campo para o jogo decisivo contra o Fluminense de Feira, com a vantagem de ter vencido na ida por 3 a 0. Em um primeiro tempo de poucas oportunidades, com destaque para a marcação individual de Ramon em cima de Maranhão, Everlan abriu o placar para o Rubro-Negro, ampliando a vantagem.

Na etapa final, as mudanças de Luís Miguel foram decisivas para alterar o placar. O zagueiro Betão saiu do banco de reservas e no primeiro lance cometeu pênalti. Na cobrança, Jailson empatou o jogo. Val Barreto entrou no jogo e em seu primeiro lance fez o segundo do Rubro-Negro, que ainda conseguiu chegar ao 3 a 1 com o gol de Ricardo Maranhão no minuto final.

Em Natal, o Imperatriz viu o América-RN sair na frente com Lucas Silva, enquanto Junior Chicão empatou, mas Lucas Silva voltou a colocar o Dragão na frente no primeiro tempo. O 2 a 1 ficou no placar até o fim do jogo, que foi para a decisão nas penalidades.

Na abertura da série, Junior Chicão perdeu o primeiro pênalti para o Imperatriz. Até o quarto pênalti, o América-RN acertou todas as cobranças, mas na última Flávio Carioca perdeu, deixando a série empatada em 4 a 4. Logo na primeira cobrança alternada, Kaká converteu para o Imperatriz e Jadson isolou a bola do América-RN, garantindo o Cavalo de Aço nas oitavas de final.

Moto e Imperatriz se encontram nas oitavas de final em mais dois jogos na temporada. Nos três primeiros jogos de 2018 entre as duas equipes, uma vitória para cada lado e um empate. O equilíbrio está garantido no confronto, que marcará o reencontro do técnico Marcinho Guerreiro, agora como rival do Rubro-Negro