Tag: Junior Chicão

Ulisses e Junior Chicão na disputa da artilharia na Série D

Ulisses e Junior Chicão, respectivamente, artilheiros do Cordino e Imperatriz, estão na disputa de goleadores na Série D. Ulisses conta com cinco gols nos cinco jogos disputados até o momento, enquanto Junior Chicão aparece com quatro gols no torneio. A liderança dentre os jogadores é dividida por Lima, do Brusque, e Jailson, que trocou o Moto pelo Fluminense de Feira, ambos com seis gols.

Dentre os dois líderes na artilharia, Jailson apresenta uma regularidade maior, marcando gols em quatro jogos na primeira fase. Lima balançou as redes somente em duas partidas, mas os quatro gols diante do Mogi Mirim o garantem na liderança.

Ulisses só terá a chance de permanecer na disputa da artilharia a partir da segunda fase, já que está suspenso diante do Ferroviário. O atacante marcou os cinco gols nas quatro últimas partidas do Cordino, com três gols nos dois jogos contra o Interporto e dois diante do 4 de Julho, no Piauí.

Junior Chicão só balançou as redes nos dois últimos jogos pelo Imperatriz. O atacante marcou três gols na goleada por 4 a 0 diante do Guarani de Juazeiro e foi responsável pelo segundo gol na nova goleada por 4 a 0, dessa vez diante do Belo Jardim. Com o Cavalo de Aço praticamente garantido na próxima fase, o atacante tem boas chances de tentar ampliar sua marca na lista de goleadores do torneio.

Quem também aparece na lista de goleadores com quatro gols é o veterano Nonato. Aos 38 anos, o atacante é o artilheiro do Aparecidense na competição e balançou as redes em três partidas.

Confira a artilharia da Série D
6 gols – Lima (Brusque) e Jailson (Fluminense de Feira)
5 gols – Raí (São Raimundo-RR), Tiago Amaral (Uberlândia), Wesley (Caxias) e Ulisses (Cordino)
4 gols – Salatiel (Itabaiana), Marcus Vinícius (Americano-RJ), Nonato (Aparecidense) e Junior Chicão (Imperatriz)

Junior Chicão marca três gols em um jogo pela primeira vez na carreira

Autor de três dos quatro gols do Imperatriz na goleada por 4 a 0 diante do Guarani de Juazeiro, Junior Chicão realizou um hat trick pela primeira vez na sua carreira. Aos 31 anos, o atacante acumula 215 partidas na carreira e 82 gols marcados desde que foi revelado pelo Bacabal na Copa União de 2010.

Além de ser o primeiro jogo com três gols do atacante na carreira, o confronto contra o Guarani de Juazeiro encerrou um jejum de 50 dias sem balançar as redes. Até então, o atacante havia marcado apenas um gol na temporada, na goleada por 4 a 0 diante do São José na semifinal do Campeonato Maranhense.

Outro jejum derrubado pelo atacante foi a seca de gols em torneios nacionais. A última vez que Junior Chicão marcou um gol na Série D foi em agosto de 2015, quando o Imperatriz perdeu por 3 a 2 diante do Santos-AP. Deste então o atacante entrou em campo 14 vezes no torneio, defendendo Murici e Campinense, mas sem balançar as redes.

Nome
Junior Chicão
Nacionalidade
bra Brasil
Posição
Atacante
Time Atual
Juventude-MA
Times Anteriores
Imperatriz
Aniversário
22 de dezembro de 1986
Idade
31

Junior Chicão repete 2015 e chega ao Imperatriz buscando recuperação na carreira

Um dos reforços para o Imperatriz em 2018, o atacante Junior Chicão retorna ao clube onde teve sua última boa temporada em 2015, coroada com a conquista do Campeonato Maranhense. Desde a saída do alvirrubro, o jogador, hoje com 30 anos, não conseguiu se firmar como titular nas equipes por onde passo e em 2016 e 2017, conta com apenas oito gols marcados em 45 jogos disputados.

Quando defendeu o Imperatriz em 2015, Chicão chegou ao Cavalo de Aço em situação semelhante. Após ser dispensado do Sampaio, o jogador acertou com o River-PI onde disputou apenas quatro jogos e não marcou gols. Assim que chegou ao Imperatriz, o atacante garantiu a vaga como titular e foi responsável por belos gols na campanha do título estadual, fechando a temporada com oito gols marcados em nove jogos no Estadual, sendo o vice-artilheiro do torneio.

Mais uma vez Junior Chicão terá que aproveitar o Campeonato Maranhense para recuperar sua boa fase. Nos dois anos após a saída do Imperatriz, o atacante passou pelo Coruripe, Campinense, Juazeirense e Murici. No Coruripe, em 2016, foi onde o jogador viveu a melhor fase, chegando a ser titular, mas com apenas seis gols em 23 jogos disputados.

A passagem pelo Campinense foi um fiasco, onde era reserva e em 10 jogos não marcou nenhum gol. Para completar, nos dois últimos clubes, Juazeirense e Murici, foram apenas 12 jogos disputados em 2017, sendo nove pelo time baiano, onde anotou os seus dois únicos gols do ano.

Sem marcar desde o dia 5 de março, mais importante que superar o jejum de gols, será provar que mesmo aos 30 anos, Junior Chicão poderá ser decisivo para o Cavalo de Aço. O atacante é um dos cinco atletas do atual elenco que integraram o elenco responsável pela última conquista do Alvirrubro.