Atlético-GO 1×2 Sampaio: bola parada tira o Tricolor da zona de rebaixamento

Dois gols originados em jogadas de bola parada e a saída da zona de rebaixamento depois de 16 rodadas. O triunfo, no sufoco, por 2 a 1 diante do Atlético-GO, confirmou a reação do Sampaio, que agora precisará manter o bom momento sob o comando do técnico Marcinho Guerreiro para selar a permanência nas sete rodadas restantes da Série B.

O triunfo, o terceiro sob o comando do treinador, deixa o Sampaio com um aproveitamento de 88,8% nos seis jogos da era Marcinho Guerreiro. Quando o técnico chegou ao comando da equipe, eram necessários oito pontos para sair da zona de rebaixamento, até agora Marcinho conquistou 11 em 18 disputados.

Diante do Atlético-GO, as duas equipes mantiveram o 4-2-3-1 habitual, apesar das mudanças de peças. Thiago Santos, com muita liberdade no ataque, conseguiu três finalizações nos 10 minutos iniciais, parando em duas boas defesas do goleiro Andrey. Na primeira chegada do Sampaio, o gol de Joécio após a falta cobrada por Danielzinho.

Como de costume, após o gol o Tricolor recuou. Enfrentou dificuldades na marcação principalmente pela esquerda e com Thiago Santos sempre achando espaço para finalizar. Andrey fechou o primeiro tempo com mais três defesas importantes na conta.

Uma mudança que fez diferença para o segundo tempo foi a entrada de Misael, que logo em seu primeiro lance levou perigo para Jefferson. O problema é que o Sampaio não conseguia atacar, principalmente por causa das jogadas erradas de Luis Gustavo pela direita. O empate veio na mesma toada, com Joécio marcando contra após um cruzamento rasteiro de Júlio César.

Com o placar igual, os dois times pouco criaram. Marcinho arriscou uma mudança para segurar o empate com a entrada de Maracás no lugar de Danielzinho. Joécio passou a fazer individual em Kayzer, que durante a etapa final teve sempre espaço para trabalhar a bola, apesar de não levar perigo. A mudança que seria para segurar o empate acabou garantindo a vitória, quando Maracás aproveitou o rebote após a falta de Julinho para marcar o gol do triunfo por 2 a 1 e tirar o Sampaio da zona de rebaixamento.

Posts relacionados

Start a Conversation

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*