Números e destaques dos semifinalistas do Campeonato Maranhense

Lucas Almeida / L17 Comunicação

Com o término da fase classificatória, o Campeonato Maranhense terá uma breve pausa de 10 dias até os jogos de ida da semifinal. Com o Sampaio fora, o Moto enfrentará o Maranhão e a disputa da outra vaga será entre São José e Imperatriz. O Rubro-Negro e o Cavalo de Aço, que terminaram, respectivamente na primeira e segunda colocação, contam com a vantagem do empate no placar agregado e terão o mando de campo no jogo de volta.

Moto: único invicto do Campeonato Maranhense
Com 71,4% de aproveitamento, o Rubro-Negro é o único invicto do Campeonato Maranhense, com quatro vitórias e três empates. O ataque é o ponto forte da equipe, com 17 gols marcados, uma média de 2,12 gols por jogo.

O destaque individual fica por conta do meia Everlan. Atuando pela ponta esquerda, ou centralizado, o meia é o motor do time e nos seis jogos disputados, conta com dois gols e uma assistências.

Imperatriz: zagueiro artilheiro comanda o Cavalo de Aço
Depois de um começo com tropeços, o Imperatriz se recuperou com a chegada do técnico Vinícius Saldanha e o ataque passou a corresponder. Nos últimos quatro jogos foram sete gols marcados, deixando a equipe com o segundo melhor poderio ofensivo do Estadual, com 12 gols marcados.

O zagueiro André Penalva é o destaque do Alvirrubro. Além da proteção na zaga, o defensor aparece como perigo no ataque e já conta com três gols no Campeonato Maranhense, onde é o artilheiro do Imperatriz.

São José: a surpresa do Estadual
O São José começou o Campeonato Maranhense com o claro objetivo de escapar do rebaixamento. Foi além, garantiu uma vaga na semifinal e, apesar da crise financeira, tentará continuar surpreendendo no Estadual, mas precisa melhorar a defesa, que foi furada pelos adversários em 10 oportunidades na fase de classificação.

Diego Batata, contratado durante o Estadual, é o principal jogador da equipe. Perigoso nas bolas paradas, o meia de 28 anos, conta com dois gols e três assistências em quatro jogos disputados.

Maranhão: a instabilidade e a melhor defesa do Maranhense
O MAC é o time que mais oscilou na fase de classificação e chegou a ter a vaga nas semifinais ameaçada durante a fase classificatória. A equipe conseguiu a recuperação com os triunfos diante do Sampaio e Imperatriz, mas perdeu para o Moto na última rodada. A defesa é o ponto forte dos comandados de Meinha, com apenas seis gols sofridos na fase classificatória.

O meia Eloir, que atuou como volante nas últimas partidas, é o destaque da equipe atleticana. Quando tem liberdade ofensiva, o jogador aumenta o poderio ofensivo do Quadricolor e conta com duas assistências e um gol em 2018.

Posts relacionados

Start a Conversation

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*